sábado, agosto 25, 2007

?!

Na dúvida: fico comigo!

Um comentário:

Pelos Olhos disse...

É isso mesmo Paty.
Hj eu entendo toda história de pintar aquela parede de vermelho...eu preciso da atitude...não qro ficar nessa de jogar a responsabilidade da vida numa parada de ônibus, ou no sinal vermelho da W3...ou na fila do supermercado...ou na vaga do estacionamento...
Quero um calor desses de acordar sem a roupa que dormi...
Quero os meus lençóis pingando realidade...
Quero meu travesseiro sem fronha.
Quero ou um sol seco ou uma chuva úmida.
Quero tudo ao máximo ainda que esse máximo seja zero, mas eu quero...
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
ME PINTA!ME PINTA!ME PINTA!
eu queria tanto pintar aquela parede de vermelho...
vou comprar a tinta e o pincel já volto!