domingo, junho 08, 2008

Ação Necessária

Pausa ( s. f.) : Ato de ficar em silêncio, de preferência calma, madura e quentinha. Momento de ser só minha. Se deliciar com um brigadeiro de colher. Ver filme enroscada num edredom qualquer . Receber abraços dos livros favoritos. E escutar a voz do Arnaldo no pé do ouvido. Esquecer de você e namorar a solidão.

4 comentários:

Anônimo disse...

Patrícia, só, aspira. Por breves instantes, situa-se no exato momento entre a respiração e a aspiração. Hora aspira, hora respira. (Sobre)Vive!

Patrícia, entre o momento de estar e não mais estar apaixonada, quieta, continua, silenciosamente, na certeza da existência de outros horizontes.

Mas o momento é horizontal... Edredom, cama, brigadeiro, livros

Descansa, Patrícia...

Descansa neste edredom que também é palco cênico e poético... neste edredom de invejável companhia...

Deita, reflete, respira...

E quando o seu pulmão estiver cheio e suas forças restauradas, bata o punho em seu peito forte e diga:

"É chegada a hora de seguir adiante!"

Diga isso com a certeza de que existe foco e curiosidades dirigidos a você.

Paixões à vista?

Talvez!

Patrícia Del Rey disse...

Obrigada pelo teu olhar, tão particular,sobre a minha pele ferida. Apareça sempre!
Pra vc, essa porta está aberta!

beijo

Anônimo disse...

Enfim, um sinal...

Brindarei, hoje, a este sinal, no mesmo lugar em que te descobri, linda, quando ainda "Era apenas uma vez..."

E obrigado pela paisagem que te tem ao centro!

Beijão!

Pheull disse...

No dia dos namorados, uma amiga enviou esta frase, não sei de quem é a autoria mas gostaria de compartilhar..

"Namorando a liberdade,solteira da solidão e apaixonada pela vida..."

=*)