sexta-feira, fevereiro 18, 2011

Brasília é a minha poesia concreta.

Nenhum comentário: